A família Enfertuna continua a crescer…

Ontem, numa cerimónia regada com maresia, celebrou-se uma vez mais o crescimento da família Enfertuna… ?

Após um período experimental caracterizado por um grande empenho e espírito de camaradagem, duas maçaricas viram-se livres das purgas da sua reles vida, erguendo-se depois como as caloiras Jéssica “Rosinha” Silva e Sofia “Fera Hormona” Pereira.
Esperamos que a vossa exemplar evolução nunca cesse… Bem-vindas, meninas!!!

Um outro ciclo também se encerrou… Concluída a mais honrosa das metamorfoses, a nossa Margarida “Nenuco” Santos viu reconhecido o seu exímio percurso com a entrada para os mais dignos da casta lusa.
Que este vínculo para sempre perdure, excelentíssima tunante!

Similar Articles

Adeus gravata amarela! Hoje foi dia de brindarmos as caloiras Flávia “Pardal” Cardoso, Bárbara “Persiane Dior” Macedo e Márcia “Lady Gaga” Aguiar com a grandiosa honra de integrarem o grupo
VII Oceanus, a Enfertuna ... Bem que as vagas do Oceano anunciavam que algo estava para chegar… ? Um Inverno como ninguém antes testemunhara, o encontro de 4 nobres casas num grandioso “Game
Sangue fresco… Com o espírito reforçado pela entrada e grande empenho por parte da nova Maçaricada, a Direção desta mui nobre tuna achou por bem a realização de um
“Don Corleone”... Que ninguém pára a Enfertuna, já todos sabem… Numa maré particularmente repleta de compromissos tunaes, sejam eles festivais, atuações ou uma simples mas deliciosa troca de versos
14 anos de Enfertuna… Há 14 anos que “ninguém pára esta Enfertuna”! Hoje houve mesa farta e, em seu redor, laços de amizade e orgulho por um projeto que é de
De caloiros a tunos Hoje congratulam-se os mais recente tunos desta mui nobre tuna pela sua passagem para os mais dignos da casta lusa – Diogo “Chaço” Ferreira e Mariana “Pocahontas”
No FesTiM a deslumbrar… Após vários dias festivaleiros repletos de uma magia inquietante e vontade de alegrar o público deste IV FesTiM com todo o nosso fulgor, a Enfertuna viu o
A evolução dos Homens n... Após mais uma bela atuação no ínicio de um casamento muito especial, o casamento de um nosso antigo e eterno elemento Isabel “Miss Verniz” – à qual
Indo eu, indo eu, a camin... As ruas viseenses encheram-se pelo eco de gritos ao espírito académico, sorriram perante as incontáveis amizades travadas ou relembradas entre copos e celebradas com um rasgar de
Bem-vindas, “Vibrra... Ainda no rescaldo do nosso 14° aniversário, não poderia ser esquecido um dos momentos que o tornaram, indubitavelmente, memorável…  Numa cerimónia solene, a família Enfertuna abriu os

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *