Indo eu, indo eu, a caminho do X Tosta Mista…

As ruas viseenses encheram-se pelo eco de gritos ao espírito académico, sorriram perante as incontáveis amizades travadas ou relembradas entre copos e celebradas com um rasgar de emblemas e acompanharam cada acorde das trovas que uniam todas as capas que se cruzavam numa só.

Foi assim o X Tosta Mista para a Enfertuna…
Foram muitas horas de viagem desde a Pérola do Atlântico até este festival que é uma pérola mas nem o cansaço nos impediria de fazer tudo novamente, cheios de orgulho em pertencer a esta enorme mas tão unida família tunae.

À Rausstuna Bragança, agradecemos o já habitual companheirismo que fomenta esta tão genuína amizade. “Vós sois grandes!” e estão no nosso coração 
À ARTuna – Tuna Mista da Escola Superior Artística do Porto e à Tu Na D’ESTES, foi com enorme gosto que convosco trocámos as primeiras músicas, conversas e brindes (gerais ou não!) Esperamos que tal se repita no futuro! 
À Estudantina Universitária de Viseu, um enorme obrigado pelo convite para este “impacábel” evento e pela forma calorosa com que nos receberam. As tostas mistas nunca mais serão o mesmo para nós, nem nós seremos os mesmos depois deste X Tosta Mista!
Não podemos deixar de mencionar as nossas belas guias Márcia Soares e Cátia Sousa pelo empenho e entusiasmo com que nos acompanharam nesta aventura!

Para além destes prémios de valor incalculável, trouxemos na mala mais duas belas recordações:

 Prémio Melhor Serenata
 Prémio Tuna + Tuna

Para o culminar desta experiência festivaleira e ainda antes de partirmos para território insular, rumámos a Bracara Augusta para rever as caras amigas da Literatuna – Tuna de Letras da Universidade do Minho numa bela jantarada e estadia pela cidade de Braga. Para momentos tão marcantes, não há “letras”… 

E sai um…

 Ai estes são os filhos da Poncha,
Todos juntos a cantar
Enfertuna da Madeira
No Tosta Mista a deslumbrar 

Similar Articles

A evolução dos Homens n... Após mais uma bela atuação no ínicio de um casamento muito especial, o casamento de um nosso antigo e eterno elemento Isabel “Miss Verniz” – à qual
Adeus gravata amarela! Hoje foi dia de brindarmos as caloiras Flávia “Pardal” Cardoso, Bárbara “Persiane Dior” Macedo e Márcia “Lady Gaga” Aguiar com a grandiosa honra de integrarem o grupo
XV Fitumis, se estivesses... Foram 4 dias intensos, 7 tunas a concurso, na 15° edição de um festival que, certamente, não foi apenas mais um… As ruelas de Leiria, observadas lá
E a família cresce devag... Foi após uma animada atuação no Hotel Riu Palace que esta enorme família Enfertuna cresceu um pouco mais… O amarelo das gravatas enriqueceu com dois novos elementos
A família Enfertuna cont... Ontem, numa cerimónia regada com maresia, celebrou-se uma vez mais o crescimento da família Enfertuna… ? Após um período experimental caracterizado por um grande empenho e espírito de
14 anos de Enfertuna… Há 14 anos que “ninguém pára esta Enfertuna”! Hoje houve mesa farta e, em seu redor, laços de amizade e orgulho por um projeto que é de
Dia da ESESJCluny Aqui deixamos para toda a comunidade o video da actuação do dia da escola.
Do Rauss&Tuna’... Primeiro festival desta mui nobre tuna em terras continentais e logo no Norte bem Norte de Portugal. Após a viagem de avião e mais duas horas a
“Don Corleone”... Que ninguém pára a Enfertuna, já todos sabem… Numa maré particularmente repleta de compromissos tunaes, sejam eles festivais, atuações ou uma simples mas deliciosa troca de versos
No FesTiM a deslumbrar… Após vários dias festivaleiros repletos de uma magia inquietante e vontade de alegrar o público deste IV FesTiM com todo o nosso fulgor, a Enfertuna viu o

One comment on

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *